Hidrossóis: a aromaterapia do futuro (STOCK)
Hidrossóis: a aromaterapia do futuro (STOCK)
  • Carregar imagem no visualizador da galeria, Hidrossóis: a aromaterapia do futuro (STOCK)
  • Carregar imagem no visualizador da galeria, Hidrossóis: a aromaterapia do futuro (STOCK)

Hidrossóis: a aromaterapia do futuro (STOCK)

Preço normal
€39,90
Preço de saldo
€39,90
Preço normal
Esgotado
Preço unitário
por 
Imposto incluído.

  • Hidrossóis: a aromaterapia do futuro - Suzanne Cathy

    ENTREGA ENTRE 10 A 15 DIAS ÚTEIS - IMPRESSÃO POR ENCOMENDA
  • Informações do produto

    AUTORA: SUZANNE CATTY

    CÓD. BARRAS: 9788557540552

    2020 - 1º edição em português do Brasil 

    I.S.B.N.: 978-85-5754-057-6

    MARCA: Editora Laszlo

    Altura: 23.0±1.0 cm

    LARGURA: 15.5±0.5 cm

    PROFUNDIDADE: 2.5±0.5 cm

    NÚMERO DE PÁGINAS: 527 pp

    ACABAMENTO: Brochura

    RESUMO: É um dos livros mais esperados do mundo da saúde holística, porque introduz um novo uso revolucionário dos óleos essenciais no campo da aromaterapia. Hidrossóis ou hidrolatos são soluções puras à base de água criadas quando os óleos essenciais são destilados a vapor. Por meio desse processo, é criada uma forma potente e sutil de medicamento que pode ser ingerido e aplicado diretamente na pele. De fato, os hidrossóis são considerados a versão homeopática da aromaterapia e, como tal, são ideais para uso em crianças, mulheres grávidas, animais e pessoas com sistemas imunológicos frágeis.Suzanne Catty detalha as especificidades de 67 hidrossóis, fornece fórmulas para tratar mais de 50 problemas de saúde e oferece inúmeras deliciosas receitas culinárias e cosméticas nas quais os hidrossóis podem ser usados. Sua seção sobre animais de estimação ajudará os proprietários a lidar com problemas dos tratos digestivo e urinário dos bichinhos, além de higiene e odor. A autora também mostra como os hidrossóis podem ser usados com outras formas de medicina vibracional e com o feng shui, a geomancia e radiestesia.Este foi o primeiro publicado no mundo exclusivamente sobre o uso de hidrossóis.AUTOR:Pesquisadora e praticante reconhecida internacionalmente nas áreas de aromaterapia e saúde holística, Suzanne aprendeu o uso tradicional das plantas medicinais com sua família, especialmente sua avó, que trabalhou com Rudolf Steiner. Esteve, ainda, envolvida com a indústria da música por mais de 20 anos na área de marketing e gestão internacional.Como ambientalista ao longo da vida, foi membro da força-tarefa de cuidados pessoais da Organic Trade Association, fornecendo orientação para estabelecer padrões para cuidados pessoais no mercado de orgânicos, na América do Norte.Ex-Presidente da Canadian Federation of Aromatherapists e Vice-Presidente da National Association of Holistic Aromatherapy, nos EUA, Suzanne é praticante, pesquisadora, educadora e autora na área. Atualmente, é copresidente da Cannington Horticultural Society.Ela viaja ao redor do mundo ensinando sobre aromaterapia, hidrossóis e saúde holística, e dedica parte de seu tempo a muitas organizações profissionais e comunitárias. Atualmente reside em Toronto, no Canadá.SUMÁRIO:PrefácioIntroduçãoAgradecimentos1. No princípio, havia o aromaO que é a aromaterapia?O consumidor educadoSubstâncias químicas: amigas ou inimigas?Livres de produtos químicos, não de aromasInfluências.Nelly GrosjeanFranchomme e PenoelKurt SchnaubeltO que é um hidrossol?O que não é um hidrossol?Falsificações e adulteraçõesOs parâmetros de qualidade ideaisO fator aromáticoÓleos versus água2. Água puraA água e o seu lugar na históriaFitoterapiaProdução e transporteEnvase, venda e armazenamento domésticoOs hidrossóis no mercadoA produção dos hidrossóisA diversão da boa limpeza3. As monografiasMetodologiaQuimiotiposProtocolosComo as monografias são representadasContraindicaçõesOs hidrossóisAbeto-balsâmico . Abies balsameaAlecrim qt. cânfora . Rosmadagorinus officinalisAlecrim qt cineol . Rosmarinus officinalisAlecrim qt verbenona . Rosmarinus officinalisAlgas . Fucus vesiculosos, F. canaliculatus, Laminaria digitata e outras espéciesAngélica (raízes) . Angelica archangelicaArnica-silvestre . Solidago canadensisArtemísia-branca . Artemisia vulgarisCálamo . Acorus calamusCamomila-alemã . Matricaria recutitaCamomila-romana . Chamaemelum nobileCanela-do-ceilão . Cinnamomum zeylanicumCardamomo . Elettaria cardamomumCedro-do-atlas . Cedrus atlanticaCenoura (sementes) . Daucus carotaCentáurea-azul . Centaurea cyanusCipreste-europeu . Cupressus sempervirensCisto ou ládano . Cistus ladaniferusCoentro . Coriandrum sativumÊnula-doce . Inula graveolensEquinácea . Echinacea purpureaErigeron . Conyza canadensesErva-de-são-joão . Hiypericum perforatumEspruce-negro . Picea marianaEstragão . Artemisia dracunculusEucalipto-glóbulos . Eucalyptus globulusFuncho-doce . Foeniculum vulgareGengibre-selvagem-do-canadá . Asarum canadenseGerânios . P. graveolens, P. asperum. ou P. roseumGroselha-negra (frutos e folhas) . Ribes nigrumHamamélis . Hamamelis virginianaHortelã-bergamota . Mentha citrataHortelã-pimenta . Mentha x piperitaJasmim-sambac . Jasminum sambacLarício ou larix . Larix laricinaLavanda-verdadeira . Lavandula angustifoliaLedum ou chá-da-groenlândia . Ledum groenlandicumLouro . Laurus nobilisManjericão . Ocimum basilicumMelissa . Melissa officinalisMilefólio-azul . Achillea millefoliumMonarda-rosa . Monarda fistulosaMonarda-vermelha . Monarda didymaMurta-do-pântano . Myrica galeMurta qt cineol . Myrtus communisNéroli . Citrus x aurantiumOlíbano . Boswellia carteriiOrégano . Origanum vulgarePetitgrain-clementina . Citrus reticulata var. clementinePinheiro-silvestre . Pinus sylvestrisRosa-de-damasco . Rosa damascenaSabugueiro (flores) . Sambucus nigraSamambaia-doce . Comptonia peregrinaSegurelha . Satureja montanaSálvia-branca . Salvia apianaSálvia-esclareia . Salvia sclareaSândalo-indiano . Santalum albumSempre-viva-verdadeira . Hielichrysum italicumTea tree . Melaleuca alternifoliaTília . Tilia europaeaTomilho qt. geraniol . Thymus vulgarisTomilho qt. linalool . Thymus vulgarisTomilho qt. timol . Thymus vulgarisTomilho qt tuianol . Thymus vulgarisVerbena-limão . Lippia citriodoraAlguns hidrossóis novos4. Os duros phatosA chave, ou melhor, o phDefinindo a vida útil e a estabilidadeFiltragemDefinindo a vida útil e a estabilidade do hidrossol5. E agora, o que eu faço com eles?Uso tópicoUso internoAplicações especiais: bebês e criançasTinturas aromáticasAnimais domésticos e de estimaçãoUso domésticoUso esotérico6. Receitas borbulhantesReceitas terapêuticas (cabeça, olhos, ouvidos, nariz e garganta, condições respiratórias, sistema digestivo, sistema circulatório, pele, sistema reprodutivo, sistema renal, sistema nervoso, sistema muscular).Loções e poçõesPara a cozinha (sopas, legumes, saladas, pratos principais, pratos principais vegetarianos, molhos e patês, grãos e massas, sobremesas, bebidas)Casa e jardim7. Apêndice 1: recursosInformaçãoOrganizações8. Apêndice 2: tabela de conversãoSiglas9. Glossário10. Bibliografia11. Índice